Bloco Associe-se

Associe-se ao Idec

Idec repudia exoneração de coordenadora geral da Senacon

Instituto enviou carta ao Ministério da Justiça solicitando que a Patrícia Galdino de Faria Barros seja reintegrada aos quadro da Secretaria Nacional do Consumidor

Compartilhar

separador

Atualizado: 

20/04/2018

O Idec enviou nesta terça-feira (20) uma carta de repúdio ao Ministro da Justiça, Torquato Jardim, devido a exoneração da Coordenadora Geral de Articulação de Relações Institucionais da Senacon (Secretaria Nacional do Consumidor), Patrícia Galdino de Faria Barros. Na carta, o Instituto expressa sua preocupação com a deterioração de importantes quadros dentro da secretaria, fundamentais para a defesa dos consumidores do País. 

“Os antecedentes recentes na condução da Senacon só fazem aumentar nossas preocupações. Percebe-se o desmonte da secretaria, com o esvaziamento do corpo técnico e o enfraquecimento do Sistema Nacional de Defesa do Consumidor [SNDC], composto por órgãos municipais, estaduais, federais e entidades civis. A duras penas, esses são as únicos atores que buscam o equilíbrio da situação de vulnerabilidade as quais o cidadão-consumidor está diariamente exposto”, relata o documento.

De acordo com o Idec, a Senacon “vinha atuando com técnica, acuidade, seriedade e ética”, e a exoneração de Patrícia Galdino de Faria Barros “é uma medida equivocada, uma vez que elimina dos quadros da Secretaria uma profissional que tem, em seus 20 anos de atividades prestadas à área, irrepreensível atuação e representa a essência do SNDC na Senacon”.

A secretaria foi criada em 2012 e compõe a estrutura do Ministério da Justiça. Entre suas funções estão garantir a proteção e exercício dos direitos dos consumidores; promover a harmonização nas relações de consumo; e incentivar a integração e a atuação conjunta dos membros do SNDC.

Por fim, o Idec solicita a reconsideração da exoneração da coordenadora em respeito ao Sistema Nacional, ao Código de Defesa do Consumidor e aos princípios constitucionais estabelecidos.

Arquivos: